(11) 5504-9155 | (61) 3030-3333 | (81) 2122-3029​

Mudanças na privacidade de aplicativos e segurança da informação

A política de privacidade de aplicativos, também chamada de termos e condições de segurançaconsiste em práticas e processos que um site ou aplicativo – e outros tipos de plataforma – utilizam para que a sua aplicação seja transparente com o usuárioao mesmo tempo que protege as informações dos mesmos. Por isso, é costume de tempos em tempos haver mudanças nas políticas de privacidade. 

Informa o usuário do que será feito com os seus dados e o isenta de qualquer responsabilidade por causa da falta de consentimento. 

Em resumo, o termo e condição de segurança traz informações a seus usuários sobre os direitos, formas de uso, dados recolhidos, garantias, entre outros. Tudo isso logo após o cadastramento na plataforma. Assim, o consumidor concorda com o que o aplicativo ou site pode fazer com os seus dados pessoais. 

Separamos alguns itens para nos aprofundar no tema da segurança da informação. Continue nesse artigo e você verá: 

  1. Tipos de informação que protegem; 
  2. Importância e benefícios da segurança de dados; 
  3. Novas políticas de privacidade e o mercado. 

 

  1. Tipos de informações que protegem 

O tipo de informação que um site ou aplicativo irão proteger depende muito de sua funcionalidade. Há aquelas que são praticamente regra, como a identificação pessoal e endereço. Já os dados bancários, por exemplo, são voltados para o e-commerce. Por isso, listamos algumas das políticas mais comuns para que você possa entender sua importância: 

  • Informações de identificação pessoal 

Este é um dos principais aspectos das políticas de privacidade. Como falamos anteriormente, é uma das políticas base de qualquer plataforma, porque ela diz respeito aos dados de identificação do usuário. 

São informações como o CPF, identidade (RG), e-mail, nome de usuário, imagem, número de IP (Internet Protocol) do seu computadorentre outros. Esses dados servem como a identificação de cada usuário. Portanto, devem ser manejados com confidencialidade e cuidado pelas empresas. 

Caso haja vazamento dessas informações, as consequências – graves – podem atingir não só os consumidores, como também quem está provendo os serviços.  

  • Endereço 

Este tipo é mais usado pelos sites de e-commerce, uma vez que eles necessitam do endereço dos clientes ao realizar o cadastro. Este é um dado importante tanto para a entrega do produto como para a emissão de documentos fiscais (NFs), principalmente se é uma transação que requer o recolhimento de impostos. 

  • Dados bancários 

Como mencionado anteriormente, o e-commerce é o que mais exige o compartilhamento de dados bancários. Isso se dá pela necessidade de realizar transações bancárias como, por exemplo, pagamentos e transferências com o cartão de crédito. 

É válido ressaltar que o compartilhamento desse dado em específico, não se restringe apenas aos sites que realizam pagamentos. Podemos ter sites e apps de economia de compartilhamentocomo o Airbnb e a Uber. Há os de compra e venda de produtos entre os consumidores (Enjoei.com) e as de empresas de finanças (Fintechs) que recolhem os dados dos usuários para realizar os seus depósitos. 

  • Padrões de navegação e cookies 

Os cookies são como um histórico de navegação que é acessado pelo usuário toda vez que entra em uma plataforma. Assim, eles são capazes de identificar os perfis dos usuários. Esse método é utilizado pelos sites como uma forma de análise dos seus padrões de navegação.  

Dessa forma, conseguem otimizar a pertinência dos anúncios publicitários que eles oferecem para os consumidores. É por isso que se você fez uma rápida pesquisa, por exemplo, sobre camisas de times, elas irão aparecer com mais frequências nos sites que você interagir. 

  • Histórico de conversas 

Ao utilizar uma rede social que tem como um dos focos a troca de mensagens, é importante saber quem pode ter acesso as suas conversas, além de qual forma e com qual finalidade. A política de privacidade deve sempre ressaltar quem tem acesso a cada troca de mensagens. 

Muitas das conversas que temos nesses aplicativos são privados e espera-se a confidencialidade da empresa. Um exemplo é o WhatsApp, um dos aplicativos de troca de mensagens mais utilizado no mundo. 

No Brasil, atualmente, as mensagens enviadas entre os usuários só podem ser passadas a outras pessoas – governo, poder judiciário etc. – por meio de uma ordem judicial. Caso não tenha essa chancela de um juiz, não há obrigação dos provedores de compartilhar as conversas. 

2. Importância e benefícios da segurança de dados 

O ponto principal da importância e necessidade da segurança de dados é a credibilidade e transparência com o usuário. Eles devem saber como a empresa planeja administrar os seus dados para poder autorizar ou não esse uso. Através da transparência nesse processo, a relação do consumidor com a empresa se torna mais forte. Isso se dá pela credibilidade que o negócio vai adquirindo. 

Agora, com foco nas questões jurídicas, é uma ferramenta de grande importância na prevenção de litígios. Ter um documento detalhado e bem escrito facilita a escolha do usurário de aceitar ou não a política. E, consequentemente, evita problemas futuros. 

Separamos alguns dos principais pontos dos benefícios da política de privacidade: 

  • Marco Civil da Internet no Código de Defesa do Consumidor; 
  • Respaldo no mercado entre empresas e usuários; 
  • Evita o vazamento de informações; 
  • Transparência. 

 

3. Novas políticas de privacidade de aplicativos e o mercado 

Em janeiro de 2021, o WhatsApp anunciou que os dados de seus usuários seriam, obrigatoriamente, compartilhados com o Facebook. É bom ressaltar que as duas marcas pertencem ao mesmo dono. Aqueles que não concordassem com a mudança seriam convidados a apagar o aplicativo e desativar a conta.  

Essas alterações entraram em vigor no dia 8 de fevereiro edesde então, tem mexido com o mercado e com a empresa. Essa medida gerou muitas críticas não só dos consumidores, como dos empresários. O grande problema desse termo é que não dá aos usuários a opção de negar a concessão de dados. Ou você concede ou perde o direito de usar o aplicativo. 

Segundo dados do Sensor Tower, o aplicativo Signal – que promete maior segurança e privacidade aos usuários – registrou 100 mil downloads, dois dias depois do anúncio de mudança nas políticas de segurança do WhatsApp. Logo, os termos e condições de uso podem afetar de maneira significativa a forma como a sua empresa pode aparecer para o mercado. 

Ao chegar no final desse texto, esperamos que você tenha conseguido entender um pouco mais sobre as políticas de privacidade e como elas afetam, não apenas os usuários como também as empresas. ANetSafe Corpbusca trazer informações sobre a proteção de dados para que a sua empresa saiba preservar os próprios dados e os dos clientes.